Posts tagged Puraqué

Produtora Colabor@tiva Livre realizará oficinas de Cultura Digital e Software Livre


Por Jader Gama

Artigo extraído originalmente do site do Coletivo Puraqué

A Produtora Colabor@tiva Livre, projeto financiado pelo Banco Muiraquitã, irá realizar oficinas de Cultura Digital e Software Livre para professores, alunos e comunidade em geral. As oficinas de “Rádio Escolas com SL”  e “Animação Digital com software livre” serão realizadas nos dias 5 e 12 de maio, das 8h às 12h e das 14h às 18h, no Pontão de Cultura Digital do Tapajós, em Santarém – PA.

A oficina de Rádio tem o objetivo de promover a produção e a veiculação de uma grade de programação raiofônica, utilizando técnicas de rádio e software livre. Já a oficina de Animação Digital, tem o objetivo de promover a apropriação de softwares livres de produção de animações digitais, além de realizar o debate sobre temas geradores de conteúdo como cultura digital, informática na educação, metareciclagem com enfoque na Amazônia.

A produtora colabor@tiva livre é um coletivo de ativistas de Cultura Digital que atua na região Amazônica, através da realização de encontros de conhecimentos livres, com o intuito de transformar a sala de aula em espaços de construção do conhecimento e produção multimidiática, promovendo a apropriação tecnológica dos meios de comunicação digitais e incentivando a criação de formas alternativas da partilha de conhecimentos.

SERVIÇO:

Oficinas de “Criação de Rádio Escolas com SL” e “Animação Digital em Software Livre”

Data: 5 e 12 de maio
Horário: 8h às 12h e 14h às 18h
Local: Pontão de Cultura Digital do Tapajós (Av. Mendonça Furtado, 3979. Liberdade)
Valor por oficina: R$ 40,00

Você pode fazer a sua pré-inscrição aqui:

http://va.mu/UwHx

Anúncios

Leave a comment »

Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social


Por Cíntia Araújo

Artigo extraído originalmente do site: http://www.fbb.org.br/reporter-social/noticias/premio-fundacao-banco-do-brasil-de-tecnologia-social-1.htm

A Solenidade de Entrega da sexta edição do Prêmio Fundação BB de Tecnologia Social aconteceu na noite de ontem (22/11), em Brasília/DF, e contou com a participação de mais de 1000 pessoas – representantes de instituições sociais, jornalistas, funcionários do BB e da Fundação BB, além de representantes dos parceiros do Prêmio, como Banco do Brasil, BNDES, Petrobrás, Unesco, KPMG Auditores Independentes e Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Todos os 27 finalistas, das nove categorias, receberam como premiação um vídeo institucional e folders para que possam divulgar seus trabalhos. Já o vencedor de cada categoria recebeu um prêmio no valor de R$ 80 mil para a manutenção e ampliação de seus projetos.

O evento foi transmitido ao vivo via internet, além de cobertura especial por meio do Twitter e do Facebook da Fundação. Em sua saudação de abertura, o presidente da Fundação BB, Jorge Streit, destacou a importância da iniciativa e agradeceu o empenho de funcionários e parceiros para que o Prêmio continuasse a ser uma realidade. Jorge reafirmou o compromisso da instituição em promover desenvolvimento sustentável e agradeceu o Banco do Brasil por acreditar e investir em sua missão de transformação social. O ator Paulo Betti foi o mestre de cerimônia da Solenidade e presenciou momentos emocionantes como a homenagem feita aos funcionários da FBB, representados por Rogério Miziara.

A edição 2011 do Prêmio Fundação BB de Tecnologia Social obteve recorde de inscrições, com 1116 projetos. Desde abril diversos profissionais estiveram envolvidos em avaliar e divulgar o Prêmio, que possibilitou, ainda, que 264 tecnologias sociais fossem certificadas. Criado em 2001, o Prêmio acontece a cada dois anos e é uma das principais ferramentas de identificação e reconhecimento de tecnologias sociais em todo o país.

Confira a lista de vencedores:

CATEGORIA REGIÃO NORTE – Banco Comunitário Muiraquitã (Santarém/PA)

CATEGORIA REGIÃO NORDESTE – Banco de Sementes Comunitários (Teixeira/PB)

CATEGORIA CENTRO-OESTE – Construção de Moradias (Campo Grande/MS)

CATEGORIA REGIÃO SUDESTE – Ecos do Bem – Educação Ambiental no Território do Bem (Vitória/ES)

CATEGORIA REGIÃO SUL – Visão de Liberdade (Maringá/PR)

CATEGORIA TS NA CONSTRUÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA – Projeto Horta Comunitária (Maringá/PR)

CATEGORIA MULHERES NA GESTAO DE TS – Mulheres da Amazônia (Juruena/MT)

CATEGORIA DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE E PROTAGONISMO JUVENIL – Fazendo Minha História (São Paulo/SP)

CATEGORIA GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS – Projeto Cisternas nas Escolas (Irece/BA)

Leave a comment »

Representação de Santarém no 1º Fórum da Internet


Por Cíntia Araújo

Oi gente, nos dias 13 e 14 de Outubro em São Paulo acontecerá o 1º Fórum da Internet no Brasil, e Santarém não poderia ficar de fora desse evento, jovens de Santarém vão representar a nossa cidade, pelo Coletivo Puraqué: Cíntia Araújo, Uelliton Chaves e Edu Costa; Núcleo de Informática Educativa: Edilson Freitas; Pontão de Cultura do Tapajós: Tarcisio Ferreira; Casa Brasil de Santarém: Adriane Gama e Josiane Amorim.

Os Temas que devem discutidos são:

#Liberdade; #Governança; #Universalidade; #Neutralidade; #Ambiente legal

O que é o Fórum?

O I Fórum da Internet no Brasil, promovido pelo Comitê Gestor da Internet, visa reunir representantes da comunidade acadêmica, do terceiro setor, do segmento empresarial e do governo para discutir os desafios atuais e futuros da Internet.

Obedecendo seu modelo multissetorial de governança da Internet, o CGI.br pretende com isso, incentivar que os principais representantes destes setores acompanhem e opinem sobre os temas e questões mais relevantes para a consolidação e expansão da Internet no Brasil.

Informações extraídas do site http://forumdainternet.cgi.br/?page_id=7



Leave a comment »

Circuito digital da CBS lança hoje I videoconferência com o tema Economia Solidária


Economia Solidária e Produtoras Colaborativas Livres, abrem o Circuito de Palestras Inovadoras da Casa Brasil de Santarém. Hoje dia 15 de abril a partir das 18h. A Casa Brasil abre suas portas e seu espaço virtual para que os alunos da Unidade, comunitários da Grande Área do Santarenzinho e do Maracanã, bem como acadêmicos da UFOPA participem do debate, em um momento que fala-se tanto em falta de emprego em Santarém a palestra vai mostrar especialmente para os jovens como eles podem através da apropriação das ferramentas de comunicação digital e do empreendedorismo colaborativo, criar negócios coletivos inovadores.

A palestra vai ser proferida por dois conceituados pesquisadores:

Professora Andréa Saraiva: historiadora, escritora, autora do livro Orélio Cearense: Dicionário Ilustrado e Romanceado de termos e expressões do palavreado do Ceara e do Livro “Existe Vida cultural além de editais?”. Ela consultora e implementadora de políticas e programas de cultura e de tecnologia. Foi consultora do MinC/Pnud onde implementou a Ação Economia Viva no âmbito do Ministério da Cultura. Mulher de fibra que transita no universo entre antenas e raízes e que fez uma opção pela economia da cultura colaborativa.

Professor Pedro Jatobá: Bacharel em ciência da computação pela UNICAP (PE). Trabalhou como analista de sistemas e programador C, Java em empresas nacionais como Vivo (2004-2005), Transportadora Mercúrio (2005-2006) . Desempenhou papel de pesquisador e analista nos laboratórios de pesquisa da HP Brasil em Porto Alegre (2006-2007), desenvolvendo soluções de última geração nas áreas de virtualização e ambientes adaptativos. Foi diretor de tecnologia da Revista O Dilúvio (RS), onde aprofundou conhecimentos sobre software livre, conhecimento livre e modelos livres de negócios (open business). Integrou em 2007 o Instituto Intercidadania (PE) como Diretor de Cultura e contribuiu na concepção da Rede Colaborativa iTEIA onde atua na Coordenação de Formação e Articulação do projeto. Em 2008 criou o Eixo de Sustentabilidade Cultural do Pontão de Cultura Digital CDTL (PE) que realizou oficinas de geração de renda junto aos pontos de cultura nos 7 estados do nordeste, difundindo conceitos e praticas da economia solidária e realizando rodadas de trocas de produtos e serviços culturais entre os pontos participantes. No ano de 2009 foi bolsista da Ação Cultura Digital MINC/CNPQ onde lutou criação do GT Sustentabilidade. Realiza a três anos o projeto Estrada Viva que visitou mais de 50 pontos de cultura das regiões Sul, Sudeste, Nordeste e Norte fomentando a tecnologia social das Produtoras Culturais Colaborativas

O palestra vai ser feita através da internet pois os debatedores encontram-se respectivamente no Ceará e na Bahia. Este evento colaborativo é realizado pelo projeto de pesquisa de interações entre sociedade e redes sociais – CFI, (UFOPA, Casa Brasil de Santarém e CNPQ, com o apoio e parceria do Projeto Puraqué). Em breve estaremos divulgando neste espaço os temas e os palestrantes deste circuito colaborativo de conhecimento, que vai ocorrer toda segunda sexta-feira de cada mês no auditório da Casa Brasil (Rodovia Eng. Fernando Guilhon, 12, Santarenzinho – Santarém-PA)

Leave a comment »

Oficinas de Comunicação Digital e Mídias Sociais Livres


Começa hoje pela manhã, dia 18 de outubro, no auditório da Casa Brasil de Santarém, mais um módulo de Oficinas de Conhecimentos Livres. Alunos e alunas, Colaboradores intelectuais e Conselheiros gestores da Casa Brasil de Santarém, estarão participando das Oficinas de Comunicação Digital e Mídias Sociais Livres, facilitadas pelo ativista em Software Livre, Jader Gama, do Coletivo Puraqué. Estas oficinas abordam um novo tipo de interação midiática bem diferente da época em que a comunicação em massa só podia ser feita por meio de rádio e televisão, e que cada cidadão ou cidadã comum estava na condição de ouvinte e telespectador, a era da internet coloca as pessoas comuns na condição de produtor de informação e opinião.

Hoje, qualquer pessoa pode ter um site ou blog e divulgar sua opinião sobre produtos de consumo, cultura, religião, empresas, políticos, governos e tantos outros assuntos de preferência. A Comunicação Digital vem revolucionando a maneira de como as pessoas de todo planeta que se conectam na web, possam se interagir umas com outras socialmente nesta aldeia virtual. Debates como esse, de interesse coletivo, serve para compreendermos melhor esse novo cenário sócio-digital e como podemos utilizar essa nova ferramenta de comunicação de forma consciente, colaborativa e compartilhada.

Essas oficinas de Comunicação Digital terminam na próxima semana, nos dias 25 e 26 de outubro, com as turmas da noite de Informática Básica e Avançada. Bom diálogo! Boa Roda de Conversa!

De olho nos horários das oficinas:

Dias 18 e 19 de outubro de 2010 (Segunda e terça-feira)

Horários:

Manhã: 9h

Tarde: 15h

Dias 25 e 26 de outubro de 2010 (Segunda e terça-feira)

Noite: 19h

 

Comments (32) »

Visita do ex-Secretário da SECULT na Casa Brasil


No último sábado, dia 19 de junho, esta Unidade recebeu a visita do ex-Secretário Estadual de Cultura (SECULT), o sr. Edilson Moura, que aproveitou a sua estadia em Santarém, participando do III Salão do Livro do Oeste do Pará, para conhecer espaços que trabalham com cultura digital com ponto de acesso de internet livre do programa NavegaPará, como a Casa Brasil de Santarém. Estiveram presentes neste encontro: conselheiros gestores, alunos e equipe da Casa Brasil e do Coletivo Puraqué. Na ocasião, o ex-secretário além de conhecer os módulos dos espaço, entendeu como funciona a dinâmica das atividades sócio-digitais, através dos depoimentos das pessoas que participam diretamente desse processo.

Leave a comment »

%d blogueiros gostam disto: